Publicada em 04/08/2017 20:28:00

 

PRESIDENTE DA FAESE APRESENTA PROPOSTAS DE MELHORIAS NA RENEGOCIAÇÃO DAS DÍVIDAS DOS PRODUTORES RURAIS
O líder do Governo no Congresso Nacional, André Moura (PSC-SE), visitou na manhã desta sexta-feira (04) a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe (Faese) a convite do presidente da instituição, Ivan Sobral, e pelo superintendente da Faese em Aracaju, Dênio Leite. Foi conhecer a obra de ampliação das instalações da sede da instituição. 
Durante a visita o presidente da Federação apresentou proposta de melhoria da resolução de renegociação das dívidas dos produtores rurais para ampliar o benefício a todos os municípios abrangidos pela Sudene e não apenas aos que decretaram estado de emergência em razão da seca. 
Ivan Sobral salientou que  sempre que o líder André foi procurado, buscou atender a todos os pleitos apresentados. "Nos atendeu na Lei 13.340/16 [que concede desconto de até 95 % do saldo devedor atualizado], na Resolução do Milho aprovada este ano e nos atendeu novamente com a resolução 4591/2017 do CMN. Tem sido um verdadeiro parceiro do produtor rural", finalizou.
AssCom/AM

O líder do Governo no Congresso Nacional, André Moura (PSC-SE), visitou na manhã desta sexta-feira (04) a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Sergipe (Faese) a convite do presidente da instituição, Ivan Sobral, e pelo superintendente da Faese em Aracaju, Dênio Leite. Foi conhecer a obra de ampliação das instalações da sede da instituição. 

Durante a visita o presidente da Federação apresentou proposta de melhoria da resolução de renegociação das dívidas dos produtores rurais para ampliar o benefício a todos os municípios abrangidos pela Sudene e não apenas aos que decretaram estado de emergência em razão da seca.

Ivan Sobral salientou que  sempre que o líder André foi procurado, buscou atender a todos os pleitos apresentados. "Nos atendeu na Lei 13.340/16 [que concede desconto de até 95 % do saldo devedor atualizado], na Resolução do Milho aprovada este ano e nos atendeu novamente com a resolução 4591/2017 do CMN. Tem sido um verdadeiro parceiro do produtor rural", finalizou.

AssCom/AM